Eventos, Online, Festas, Raposa, Rodrigo
 

Publicidade Interna

Banner

Inscreva-se em nosso CANAL no YouTube

DJSound-Tube2

>> youtube.com/djsoundmag <<

Home Entrevistas Rodrigo Raposa DJ, do A NE XO, Blá e Sr. Pitanga e suas pitadas musicais
Erro
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
Rodrigo Raposa DJ, do A NE XO, Blá e Sr. Pitanga e suas pitadas musicais PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 
Escrito por Ricardo Sarmiento   
Sex, 16 de Setembro de 2011 12:43

Rodrigo Raposa DJRodrigo Raposa, DJ

A carreira profissional começou em 1995, mas o amor pela música vem desde a infância ao som de Michael Jackson, Aretha Franklin, Donna Summer, ABBA, New Order, Depeche Mode, Technotronic, entre outros que estouraram nas décadas de 70 e 80.


 
Os primeiros passos do DJ Rodrigo Andrade, o Raposa, aconteceram nas agitadas e concorridas festas organizadas pelo Club Homs – que fica no coração da avenida Paulista, em São Paulo.
 
Em julho de 1995, o então DMC Brazil – Disco Mix Club – que pertencia ao DMC (EUA) e era a maior organização de DJs do mundo - estava preparando o primeiro concurso “NEXT DJs by DMC,” com transmissão ao vivo da MTV em São Paulo. Seu objetivo era revelar novos nomes para a cena Dance.


 
Encorajado pelo amor a música (e aos elogios da época), o DJ Rodrigo Andrade (Raposa) resolveu então testar suas habilidades neste concurso. 
 
Após 100 DJs qualificados para as finais, 4 baterias e muita apreensã o,

o Raposa acabou abocanhando o segundo lugar. Posição que lhe rendeu o agenciamento na primeira agência de DJs do Brasil e na qual faziam parte DJs de renome como Marky, Ricardo Guedes, Mau Mau entre outros.  
 
Rodrigo Raposa DJCom 16 anos atuando como DJ, Rodrigo Raposa, trabalhou na revista DJ Sound como redator, foi DJ das rádios Jovem Pan FM (Ritmo da Noite e Planeta DJ) e Metropolitana FM (Metro FM), residente das festas House Of Palomino (da jornalista Érica Palomino), fez apresentações nos mais diferentes e famosos clubs / festas pelo Brasil como Josephine, The Week, A Marcenaria, Kíron, Columbia, Latino, Aze 70, Moinho Sto Antônio, SubClub, Glamurama, Chivas, SPFW (2010 – espaço Rexona – Banco de Eventos), Número, Parada da Paz, Skol Spirit, Vale Night, Arraiá do Cortez, Taj, Blá e Phoenix (Campos).
 
Atualmente, é DJ residente do Sr. Pitanga, Blá e ANEXO – club que organizou festas com presenças de ilustres como Sting, The Killers e Amy Winehouse.

Seu som é conhecido por sets animados, dançantes e recheados de músicas inusitadas. Estilos que vão do House, 80’s, 90’s, Pop, Indie, Black, Rock ao improvável. Portanto, mãos para cima que a festa está garantida.

Bate Pronto: 1 pra 5!

1. O que te fez seguir a carreira de DJ com mais intensidade nos últimos meses? E o que você coloca em seus sets musicais para a galera dançar?

Na verdade, eu nunca deixei de tocar desde 1995. Por algum tempo, toquei apenas em festas pontuais, mas sem grandes obrigações. Após o surgimento do Sr.

Pitanga (em 2009), que fica no bairro do Itaim (SP) e, posteriormente, o bar Blá e o nightclub A NE XO, onde sou residente até o momento, é que voltei com maior intensidade e maior exposição – o que me gerou diversos convites para tocar em outros clubs e eventos Cialis pharmacybadalados.
 
A turma da HAUTE, grande produtora de eventos, é uma das sócias do Blá e do A NE XO e isso me gerou também convites para bons e grandes eventos.
 
Quanto ao meu set, eu normalmente costumo dizer que não existe música ruim. O que existe é o momento certo para tocar determinado tipo de música. Afinal, existe gosto para tudo.

Outro ponto que influencia o meu estilo, é o tempo que estou na estrada. VPXL buy on line Passei por diversas tendências e por isso costumo dizer hoje que sou uma espécie de “especialista em fusão de estilos”. Meu som vai dos anos 70 ao House Music e suas vertentes, passando pelo Indie, Hip Hop e até mesmo o Rock. Tudo depende da festa e do público. Prefiro dizer que gosto de pista cheia, com todo mundo cantando e suas “mãos para cima”.
 
 
2. Como você divide suas atividades também profissionais de outros negócios? Tem dedicação de 100%?

Como empresário, atuo no ramo de mobilidade e interatividade para o mercado de celular e de mídia (TV, rádio e internet). Moro em São Paulo, porém minha base comercial é no Rio de Janeiro.

Então costumo fazer ponte aérea às segundas e voltando às terças ou quartas no final do dia.

Cialis pharmacy O restante da semana sigo trabalhando de São Paulo. Minhas residências no BLÁ acontecem às terç as e quart

as.

A NE XO, por sua vez, às sextas. Também estou intensificando apresentações para eventos e, por isso, estou negociando com uma agência de DJs e espero ter isso concretizado o quanto antes.

Se quiser saber mais do meu trabalho é só cutir minha FAN PAGE no FACE BOOK.
www.facebook.com.br/djrodrigoraposabrasil

3. Vamos ter Jovem Pan FM Rio novamente

? Quais são as suas expectativas e possibilidades, de 0 à 100%?

Tivemos uma grande chance no ano passado que, infelizmente, acabou não acontecendo por motivos alheios à nossa vontade. Atualmente, não há nada de concreto do nosso lado. Mas não estamos parados não. Quem sabe em breve.


 
4. Dos Clubs que você faz discotecagem, qual é aquele em que o público tem mais recepção ao seu REPERTÓRIO? Porquê? tem alguma razão?

Nestes 16 anos alguns clubs me impressionaram.

A Broadway no final dos a

nos 90 era demais.

O Subclub, no Columbia idem. Recentemente, o club Josephine também foi uma experiência ótima. Já o A NE XO, onde sou residente, tem uma vibe incrível. Como já estou há um certo tempo lá, muitas pessoas vão por conta do estilo que faço. Recebo meu público com um magnífico Soulfull e quando a pista começa a pegar fogo, detono HITs de FM, misturando com anos 80, alguma coisa de 90´s, Indi e, Rock

e Blackmusic. No final, esta química funciona e o público sobe nos sofás, pula, dança e canta junto.

5. Cite algumas festas de agências de publicidade em que você tocou eventualmente...

Recentemente, fiz o São Paulo Fashion Week através do Banco de Eventos. Festas fechadas da Chivas e da Absolut. O Arraial do Cortez (do bar Cortez) para 3 mil pessoas! E também o VALE NIGHT que foi organizado pelas turmas da SOUL e HAUTE e que juntou mais de 2 mil pessoas em um espaço de eventos na Vila Olímpia - SP. Eu nunca tinha visto tanta gente bonita e animada ao mesmo tempo.

Foi uma experiência única.
 
TOP 10 – 2011, SET
 
1 – Every Teardrop Is a Waterfall (Sweedish House Máfia Remix) – Cold Play
2 – Give Me Everything (Tonight) (Mikael Wills & Justin Sane Remix) – Pitbull feat. NE YO, Nayer & Afrojack
3 – Little Bad Girl (Robson Michel Extended Version) – David Guetta
4 – Take Over Control – Afrojack feat. Eva Simons
5 - Last Friday Night – (Almighty Club Mix) – Kate Perry
6 – Come My Way (Jerome Isma-Ae Remix) – Tom Neville
7 -  Doin Ya Thang (Original Mix) - Oliver S
8 – Dog Days Are Over – Florence & The Machine
9 – Just Can’t Get Enough – Depeche Mode
10 – Half Mast – Empire Of The Sun
 
TOP 10 - Todos os Tempos

(essa é difícil, pois posso ser injusto com alguns nomes...)

 
1 – Billie Jean – Michael Jackson
2 – Mary, Mary – RUN DMC
3 – Fight The Power – Public Enemy
4 – Express Yourself - NWA
5 – Hip Hop Hooray – Naughty By Nature
6 – Kiss - Prince
7 – Pump Up The Jam - Technotronic
8 – Bizarre Love Triangle – New Order
9 – Space Cowboy – Jamiroquai
10 – Use Somebody – King Of Leon


Última atualização em Qui, 09 de Fevereiro de 2012 17:30
 

Revista Digital Online

Conecte-se

Busca no site

Mídia: Mag / Portal

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner