Profissionais, Mercado, Música, Music, Eventos
 

Publicidade Interna

Banner

Inscreva-se em nosso CANAL no YouTube

DJSound-Tube2

>> youtube.com/djsoundmag <<

Home Entrevistas Top DJ Lisa Bueno no firme propósito de deixar um legado de DJs na Cena brasileira da Dance Music
Erro
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
  • Unable to load Cache Storage: utf-8
Top DJ Lisa Bueno no firme propósito de deixar um legado de DJs na Cena brasileira da Dance Music PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 
Escrito por Ricardo Sarmiento   
Ter, 29 de Maio de 2012 17:52

Lisa Bueno , Top DJ

Aqui voce vai conhecer um pouco da trajetória da TOP DJane, também batalhadora, Lisa Bueno, que segue firme no propósito de deixar modestiamente um legado de DJs, que continuem a realizar a Cena Dançante brasiliera, com seus diversos Estilos Musicais!

1.  nome completo, cidade natal, aniversário.
Lisa Bueno, São Paulo, 19 de novembro

2.  conte-nos, como acontece seu início de carreira musical ? por onde aconteceu e como ? quem foram as pessoas “modelos” e inspiradoras para o início de carreira ? como escolheu ser DJ ? e também como lidou com os amigos e família!

Foi em 1996 tendo contato com uma rádio comunitária de Pirituba, zona oeste de SP: Studio 100 FM onde havia uma programação alternativa que descobri o que era DJ.

Ao conhecer os DJs desta rádio Dee e Renatinho, eles me ofereceram a ensinar, aceitei para ver como era, mas quando encostei no vinil percebi que era isso que queria para o resto da minha vida!

Aí resolvi fazer um curso de DJ e encontrei o da Playboy Music Hall (casa noturna de muita popularidade nos anos 80 e 90).

Graças a Deus todos os amigos e família me apoiaram mesmo com a preocupação da minha mãe por eu ter apenas 15 anos.


3.    a carreira DJ (DeeJay) chegou com ênfase na sua vida em que data, mês , ano ? lembra ? conte detalhes e curiosidades?

Ao finalizar o curso de 2 meses com André Caruso e Marcelo Xolas na Playboy Music Hall conheci o redator da revista DJ Sound: Alex Party que me convidou para tocar nos eventos pelo Brasil todo e me sugeriu para entrar no casting do evento DJ Sound Party.

Como eu tinha somente 15 anos, o Alex Party foi almoçar em casa para conhecer meus pais e explicar o projeto, assim como pedir autorização para me levar para tocar na primeira festa em Porto Velho, Rondonia, na sequencia Manaus e por ai foi.

4.  apresente algumas discotecagens interessantes em Clubs, Festas, Eventos, que você participou, e diga como aconteceu? Teve experiência com DJ de Eventos ?

No início foi meio confuso, pois não tinha idade para sair a noite e nem acesso aos discos, só conhecia os discos piratas que vendiam na galeria do Rock, meu professor Xolas do curso de DJ que me apresentou os primeiros discos importados que na época eram dos selos UC, Twisted, Nervous, Strictly Rhythm etc.

Minha primeira experiência foi estagiando nas matinés da Playboy, onde pude aprender a fazer warm up.

Nessa época já fazia eventos e clubs de médio porte, pois quase não tinha meninas discotecando e os clubs apostavam mais em novos talentos, mas depois foi aparecendo eventos corporativos também.

5.  neste lugares quem já discotecou com você Lisa Bueno ? com quem foram suas “melhores” experiências em Mixing de DJs Produtores, comente:

Como não tinham muitas matinés e eu era muito nova, tive oportunidade de tocar em poucas como Twist´s   ao lado de Ricardo Guedes, Over Night com DJ Andy que também estava iniciando a carreira, casas do interior de SP e outros estados.


6.    sobre a Premiação DJ SOUND AWARDS o que voce pode comentar

Sobre este incentivo que a Revista e Portal DJ SOUND e o Portal DJ SOUND -  www.djsound.com.br ..fazem! ?

É muito importante para contemplar os profissionais, o problema é que o setor está dividido, não temos mais acesso aos bons clubs e bons profissionais do Brasil para saber quem realmente merece, mas a revista DJ Sound tem feito este papel de unir os poucos profissionais que restaram.

7.  porquê acha que voce não esteve presente em alguma Agencia de DJ , pela sua experiencia ?

Na verdade estou trabalhando com quatro agencias, mas como agencia de DJ no Brasil não tem o intuito de criar produtos voltados pro mercado de DJ, como CD mixado, vídeo-clipe, produção de música e imagem, eles estão acostumados a pegar DJs de sobrenome e amigos de promoter, eu acabo não me encaixando no perfil de casas noturnas que já tem contrato com as agencias.

E também nos últimos 10 anos tenho me dedicado a escola E-DJs (www.e-djs.com.br), onde sou diretora executiva e me especializei no setor mais alto da discotecagem que é performances para campeonatos e infelizmente os clubs no Brasil perderam referencia de bons profissionais do setor.

Hoje estão migrando profissionais de outros ramos, por isso tenho me dedicado ao mercado exterior, que tem as melhores feiras de tecnologia, campeonatos de DJs e quero trazer isso para meu país, para não deixar a cultura morrer.

8.  e a linha de Produção Musical...já tem viabilizado algo para poder ter em canais de mídias on line de compartilhamento musical ? pretende vender ? ? e Produção Musical ? voce já teve ou tem suas experiencias ? pode citar, momea-lás ? cite, suas Produções e envolvimentos com FMs.

Tive meus primeiros contatos com produção em 1998 com Xerxes de Oliveira aka XRS, mas como fazer música requer muito tempo e eu estava inaugurando a E-DJs acabei me dedicando as aulas e discotecagem em geral.

Por tanto isso fica para o futuro.

Acredito que tem muitos bons profissionais produzindo e precisam da mão de obra do DJ para divulgar as suas faixas.

9.    comente um pouco o “novo” formato de Produção de Música, Artistas, colocação de Artistas no mercado ? On line ? é o caminho ? poderia colocar suas opiniões e que vai acontecer ? e as rádios FMs ? e as Rádios WEBs ? você tem seus destaques ? cite-os

Pelo fato das musicas estarem disponíveis gratuitamente, elas perderam o valor de mercado e quando falo isso não é pelo formato (vinil ou CD) e sim pela qualidade das musicas e a falta de opções de estilos impostas pelas rádios do Brasil.

Acredito que daqui alguns anos as pessoas no Brasil vão aprender a consumir musica digital da forma correta ou vamos continuar nesta estagnação cultural sendo ditado pelas rádios e gravadoras.

10.  Hip Hop ou Black Music, é uma tEndencia que chegou e fica no público Pop e mainstrean ? estilo musical House Music  preferido no início e atualmente, e conte por quais vertentes da Música Eletrônica voce passou e gosta de experimentar ?

O Hip Hop nunca foi mainstream, o mercado fonográfico norteamericano, que não tinha mais opções culturais e teve que reinventar a música de subúrbio, trazendo artistas de outros segmentos para fazer parcerias com os novos artistas de Black Music, tanto que o tal Hip House sempre existiu como De La Soul, Jungle Brothers, A Tribe Called quest, Monie Love, já tinha influencia de house music nas suas produções e melhor, com muita qualidade.

Resumindo, o Hip Hop sempre foi música para pista, sendo Mainstream ou não, a mídia que segmentou e denomeou alguns artistas.

Lisa Bueno, DJ e mulher de fases!11.  o que faz o público dançar hoje ? pode citar algo ? artistas, músicas, independente de Play List ?

Nos últimos 10 anos o mercado está confuso com tantas opções de sites para baixar musica, os DJs profissionais que ainda tem residência ou programa de radio optaram para tocar musica Pop, não sobrando muitas opções para as festas e por isso o público tem saído de casa para namorar, beber e a música ficou em 5º(!!!) plano.

12.    Diga quais são seus DJs e Produtores preferidos e inspiradores! da sua carreira de DJ?
Os DJs e produtores que estavam em lugares que eu frequentava eram Erik Japonês, Rogerinho, Kinho, Tiko´s Groove e Marquinhos Marky Mark, hoje Marky, na época.


13.    e sobre a PROFISSÃO DJ, o que tem adizer, comentar, criticar..enfim! digue!
Sou grata a Deus por esta profissão que me ajudou a vencer a timidez e baixa estima, descobri um bom desafio para a minha vida que me da meu ganha pão hoje conquistando nestes 15 anos de trabalho.


14.  gostaria de participar como a "cabeça de frente do Sindicato dos DJs em SP" ?

Há um ano tenho frequentado as reuniões e estou entendendo o que é legislação, pra que serve o sindicato e principalmente quem vão ser as pessoas beneficiadas, pessoas que não são só DJs, profissionais da noite, mas também aqueles que sustentam o mercado corporativo fazendo eventos de aniversários a megas empresas.

Estamos em bom caminho, mas ainda faltam algumas peças para poder me relatar se pretendo ser alguma coisa maior dentro do sindicato.

Tem muita gente capacitada a frente do projeto ainda e que merece respaldo.

15.  o que acha dos dirigentes que participam do SINDECS (SP), alguma sugestão de atitudes e ou idéias ?

Ambos são bons profissionais, o presidente Antonio Carlos e o vice Tibor, porém de personalidades e visões diferentes estão trabalhando para melhor desenvolver o projeto.

16.    TOP 10 Anos 70/80/90 e TOP 10 Anos 2000/2012 

Anos 70
Lynn Collins-Think
Aretha Franklyn-Respect
MC Fadden & Whitehead – Aint no stopping us now
Kraftwerk - Todos os discos!
George Moroder feat Donna Summer – I feel love
Mc Fadden & Whitehead – Aint no stopping us now
Jimmy Bo Horne – Spank
Abba – Dancin´ queen
Bee Gees – Stayin´ alive
Chic – Le freak

Anos 80
Indeep – Last night a DJ saved my life
Malcon Mclaren-Hey DJ
Bestie Boys – Licend to 3
Public Enemy- It takes a nation of millions to hold us back
Afrika Banbaataa & Soul Sonic Force – Planet Rock
Grandmaster Flash – The message
Michael Jackson – The Wall
New Order – Blue Monday
Depeche Mode – Strange love
Human League – Don´t you want me baby

Anos 90
Lisa Lisa and & Cult Jam – Let the beat hit´em
Jazzy Jeff and The Fresh Prince – Summertime
KLF – 3am eternal
Todd Terry – Todas
Robin S – Show me love
Dee Lite – Groove is in the heart
Daft Punk – Home work
The Chemical Brothers – Hey boy hey girl
Prodigy – Xperience
Altern 8 – Frequency

Anos 2000
Groove Armada – Superstylin´
Tiko´s Groove – I don´t know what to do
Gui Borato – Beautiful life
Cold Play – Viva la vida
Adele – 19/20
Amy Winehouse – Back to black
Gabin – into my soul
Un-Cut feat. Jenna G - Midnight
Chali 2na – Crazy
Criolo – Nó na orelha

Última atualização em Ter, 29 de Maio de 2012 23:05
 

Revista Digital Online

Conecte-se

Busca no site

Mídia: Mag / Portal

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner